Power Blog - o ponto de encontro de todos os profissionais ligados em tecnologia!
Power Blog - o ponto de encontro de todos os profissionais ligados em tecnologia!

#03 - Manutenção preventiva e treinamentos: como aumentar a vida útil de equipamentos para construção

Equipamentos que trabalham com energias mecânicas elevadas, tais como ferramentas de demolição hidráulicas (rompedores, tesouras, garras, pulverizadores, caçambas e etc) ou então geradores de energia portátil, torres de iluminação e compressores de ar portáteis, apresentam uma vida útil amplamente afetada pela forma como sua manutenção é feita.

A modalidade de manutenção corretiva é a forma mais óbvia e a mais primária de manutenção e pode ser descrita pelo ciclo do quebra-conserta, ou seja, o conserto só é feito depois que acontece o problema. A manutenção corretiva é também a forma mais cara de manutenção, pois gera a diminuição da vida útil das máquinas e das instalações, além de serem necessárias paradas para manutenção em momentos aleatórios, e muitas vezes inoportunos. Mas infelizmente, sabemos que na prática esta modalidade ainda é bastante presente na manutenção de equipamentos.

A forma ideal de manutenção são as revisões preventivas, com cronogramas de manutenções regulares de acordo com as especificações do fabricante. Este tipo de manutenção garante menos paradas por problemas corretivos e de quebra. Os melhores fabricantes na verdade vão além disso oferecendo assessoria pró ativa através de suas áreas de serviço ou de seus distribuidores. Cada equipamento comercializado tem seu cronograma de revisão, e o proprietário é avisado sobre cada etapa de manutenção, com antecedência para que a parada não impacte na produtividade de suas obras. Filtros em geral, são um exemplo de manutenção que precisa ser feita na hora certa. Operar com um filtro de óleo “vencido” pode danificar severamente o motor de equipamentos de construção.

Outro importante elemento de suporte que aumenta a vida útil dos equipamentos, são os treinamentos para operadores. Eles previnem erros que podem provocar danos, assim como orientam a utilização do máximo potencial de cada equipamento para a maior produtividade possível. Também contribuem bastante para o sucesso da manutenção preventiva pois os operadores também ficam cientes das principais manutenções que são necessárias e as vantagens de fazê-las de modo programado.

De qualquer modo, seja qual for o tipo de manutenção pelo qual sua empresa optar, deve sempre estar atenta se o fabricante disponibiliza um atendimento com profissionais especializados e bem treinados. Um alto padrão de qualidade só consegue ser atingido quando o fabricante possui uma estrutura operacional corretamente dimensionada, qualificada e dedicada ao suporte ao cliente.

Por fim, de nada adianta a melhor mão de obra se as peças utilizadas não forem originais, pois até mesmo pequenas diferenças em suas medidas podem provocar danos graves. Mas isto é assunto para outro post... fique conosco!

 
Carregando busca...
Conheça Nossos Canais:











 

Sobre o Power Blog

POWER Blog é um novo veículo de comunicação feito para os profissionais que querem se atualizar sobre novas tecnologias para aumentar a produtividade, com maior sustentabilidade. Nele você encontra 5 canais diferentes: Ferramentas para construção, Bombas de drenagem, Ar comprimido portátil, Energia portátil e Manutenção de equipamentos.

 
 

Mande-nos o seu comentário sobre o artigo.

Nome:

E-mail:

Telefone:

Empresa:

Cargo:

Comentário: